O quarto lugar pertence ao “Monde” (420 mil subscritores). Seguem-se-lhe o italiano “Corriere della Sera” (384 mil), o argentino “La Nación" (343 mil) e o jornal desportivo francês “L’Équipe” (332 mil).


O oitavo e nono lugares são ocupados pelos títulos brasileiros “O Globo” e “A Folha de S. Paulo”, respectivamente.


O jornal polaco “Gazeta Wyborcza” encerra o “Top 10”.