Vários “media” regionais foram reconhecidos este ano, incluindo o “Boston Globe”, distinguido por um trabalho de investigação, que revelou "uma falha sistemática dos governos estaduais em partilhar informações sobre condutores de camiões perigosos", o que levou a reformas imediatas.


O Prémio Internacional de Jornalismo foi atribuído a três colaboradores do portal “BuzzFeed”, que utilizaram imagens em satélite e dezenas de entrevistas para identificar uma nova infraestrutura construída pelo Governo chinês para a detenção em massa de cidadãos muçulmanos.


Na literatura, o prémio de ficção foi para Louise Erdrich por "The Night Watchman", o de Drama para Katori Hall por "The Hot Wing King", o de Poesia para Natalie Diaz por "Portcolonial Love Poem", e o de música para Tania Leon por "Stride".


Este ano, os Prémios Pulitzer foram anunciados dois meses mais tarde (os vencedores são, normalmente, revelados em Abril) para permitir que o júri se reunisse, pessoalmente, para deliberar.