Ormaetxea declarou ser importante qualquer profissional dos media ser flexível e adaptável a novas e diferentes plataformas, ao invés de desenvolver uma grande dependência de uma única plataforma, já que os objectivos podem mudar a qualquer momento. Acrescentou, ainda, que os media devem fazer uso de ferramentas como Google Analitycs, Chatbeat ou Crowdtangle da Meta e, no sector jornalístico, não “cair” na onda de desinformação, devendo focar-se na criação de jornalismo original de qualidade. Finalmente, o autor sublinhou que diversificar as fontes de receita e aproveitar ferramentas novas, como o ChatGPT, seriam uma importante ajuda para os media. (https://www.media-tics.com/noticia/9549/periodismo/las-grandes-tecnologicas-asfixian-a-los-medios-de-comunicacion.html)