O código penal  inclui "abuso da liberdade de imprensa", que pode resultar na prisão daqueles acusados de discurso de ódio, defesa de ideologias fascistas ou racistas, ou de partilharem "notícias falsas".