Metade do fundo será alocado para a televisão e para a rádio, para ajudar com os custos de emissão. 

A recessão levou, no início de Abril, o “New Zealand Herald” aanunciar a suspensão do contrato com 200 colaboradores, e um corte de 15% do salário para os restantes.  Além disso, o Grupo de revistas Bauer viu-se obrigado a fechar portas, dispensando, sem aviso prévio, 250 trabalhadores.