Segunda-feira, 16 de Setembro, 2019

  

Júri dos Prémios Jornalismo e de Ensaio da Lusofonia reúne em Outubro

O Clube

Terminou o prazo de recepção dos trabalhos concorrentes ao Prémio de Jornalismo da Lusofonia, instituído há um ano por iniciativa do jornal Tribuna de Macau, em parceria com o Clube Português de Imprensa, com o patrocínio da Fundação Jorge Álvares e o apoio do JL – Jornal de Artes, Letras e Ideias.

Nesta segunda edição, o Prémio foi desdobrado em duas modalidades:  uma aberta a textos originais, que passou a designar-se o Prémio Ensaio da Lusofonia; e outra que manteve o título de Prémio de Jornalismo da Lusofonia, destinado a textos já publicados, em suporte papel ou digital.

Um debate sempre inacabado

O Clube

Ao retomar a regularidade da sua actualização, cumprido o período de férias respeitado pelo Clube, completamos também a rubrica Colectânea que mantivemos nas últimas semanas, com adesão significativa dos frequentadores deste site.

Recuperámos um conjunto de textos, por grandes temas, que foram tratados de uma forma continuada, desde o lançamento deste espaço do Clube Português de Imprensa, em Novembro de 2015.

Uma colectânea de textos em Setembro para ler ou reler

O Clube

Lançado em Novembro de 2015, este site do Clube Português de Imprensa tem desenvolvido, desde então, um trabalho de acompanhamento das tendências dominantes, quer no mercado de Imprensa, quer nos media audiovisuais em geral e na Internet em particular.

Interessa-nos, também, debater o jornalismo e o modo como é exercido, em Portugal e fora de fronteiras,  cumprindo um objectivo que está na génese desta Associação.

Um site com vocação de futuro

O Clube


Este
site do Clube Português de Imprensa nasceu  em Novembro de 2015. Poderia ter sido lançado, como outros congéneres, apenas com o objectivo de ser um espaço informativo sobre as actividades prosseguidas pelo Clube e uma memória permanente do seu histórico  de quase meio século . Mas foi mais ambicioso.

Nestes dois anos decorridos quisemos ser, também, um espaço de reflexão sobre as questões mais prementes que se colocam hoje aos jornalistas e às empresas jornalísticas, perante a mudança de paradigma, com efeitos dramáticos em não poucos casos.

Os trabalhos inseridos e arquivados neste site constituem já um acervo invulgar , até pela estranha desatenção com que os media generalistas  seguem o fenómeno, que está a afectá-los gravemente e do qual  serão, afinal, as primeiras vítimas.

Prémio de Jornalismo da Lusofonia será entregue em Macau

O Clube

O primeiro Prémio de Jornalismo da Lusofonia, instituído em parceria pelo Clube Português de Imprensa e Jornal Tribuna de Macau, é entregue, a 1 de Novembro, em cerimónia solene marcada para o Clube Militar em Macau.

O Prémio, no valor de 10 mil euros, foi atribuído por unanimidade do júri à jornalista Sílvia Gonçalves, do jornal macaense em língua portuguesa Ponto Final, pelo seu trabalho intitulado “Floriram por Pessanha as rosas bravas, 150 anos depois”, conforme se refere noutro espaço deste site.

O referendo ao Código Deontológico dos Jornalistas e o CPI

O Clube

Há um processo referendário em curso, promovido pelo Conselho Deontológico do Sindicato dos Jornalistas,  e que tem como universo eleitoral todos os jornalistas com Carteira Profissional,  contando  com a colaboração “oficiosa”  da Comissão da Carteira, que montou uma plataforma digital,  destinada a assegurar a  votação eletrónica.

A iniciativa resulta de uma moção aprovada no último Congresso de Jornalistas, organizado pelo Sindicato com o apoio da Casa da Imprensa e do Clube de Jornalistas, entidades que se juntam novamente, agora  designadas na qualidade de  fiscalizadoras do referendo.

Recorde-se  que o Clube Português de Imprensa, uma  das mais antigas  associações profissionais do sector,   não foi convidado para o Congresso, juntamente com o CNID, que congrega jornalistas da Imprensa desportiva.


Prémio Europeu Helena Vaz da Silva será entregue na Gulbenkian

O Clube

O cineasta alemão Wim Wenders foi distinguido com o Prémio Europeu Helena Vaz da Silva para a Divulgação do Património Cultural, pelo seu contributo para a história multicultural da Europa e dos ideais europeus. Ao ser informado da decisão, Wim Wenders declarou que “a Europa é uma utopia em curso, construída, mais do que por qualquer outra coisa, pelo seu legado cultural”. A cerimónia de entrega do Prémio  - instituído em 2013 pelo Centro Nacional de Cultura, em cooperação com a “Europa Nostra” e o Clube Português de Imprensa -  terá lugar em 24 de Outubro de 2017, na Fundação Calouste Gulbenkian.

1  2  3  4  5  
  
PESQUISA AVANÇADA
PESQUISAR POR DATA
PESQUISAR POR CATEGORIA
PESQUISAR POR PALAVRA-CHAVE

O Clube


Retomamos este site do Clube num ambiente depressivo para os media portugueses. Os dados da APCT  que inserimos noutro espaço, relativos ao primeiro semestre do ano, confirmam uma tendência decrescente da circulação impressa, afectando a quase totalidade dos jornais.

Pior: na maior parte dos casos a subscrição digital está longe de compensar essas perdas, havendo ainda situações em vias de um desfecho crítico.


ver mais >
Opinião
O chamado “jornalismo de causas “  voltou a estar na moda. E sobram os temas:  a “emergência climática”,   assumida por António Guterres enquanto secretário geral da ONU,  numa capa caricata da “Time”;  o “feito” de uma adolescente nórdica,   que atravessou o Atlântico num veleiro de luxo -  a pretexto de assim  reduzir o impacto ambiental -, para participar...
As limitações do nosso jornalismo
Francisco Sarsfield Cabral
J.-M. Nobre-Correia, professor emérito de Informação e Comunicação da Universidade Livre de Bruxelas, escreveu no “Público” um artigo bastante crítico da qualidade do actual jornalismo português. Em carta ao director, uma leitora deste jornal aplaudiu esse artigo, dizendo nomeadamente: “Os problemas, com que se defrontam no dia-a-dia os cidadãos, não são investigados, em detrimento de...
Uma das coisas em que a informação sobre o mercado publicitário português peca é na análise das contas que são ganhas pelas agências de meios aqui em Portugal. Volta e meia vejo notícias do género a marca X decidiu atribuir a sua conta de publicidade em Portugal à agência Y. Quando se vai a ver, o que aconteceu é que a marca internacional X decidiu num qualquer escritório em Londres, Paris ou Berlim,...