Sexta-feira, 18 de Janeiro, 2019

  

OPA hostil lançada contra Grupo Gannett

Media Galeria

O Grupo Gannett  - que detém, entre outros títulos, o diário de expansão nacional USA Today -  foi objecto de uma OPA hostil lançada por outro gigante, a Digital First Media.
A aquisição é proposta por 1,6 mil milhões de dólares e “é credível, porque a MNG Enterprises [outro nome da empresa compradora] já acumulou 7,5% do capital da sua presa”.

A MNG Enterprises, controlada pelo fundo especulativo Alden Global Capital, de Nova Iorque, “é muito mal vista entre os jornalistas”, que neste momento comentam que “os bárbaros estão às portas de Roma”. Segundo Le Figaro, que aqui citamos, ela “é acusada de devastar as redacções para fazer economias, à custa de um abaixamento da qualidade da informação”.

Associações em França repudiam violência contra jornalistas

Media Galeria

As associações de jornalistas de mais de três dezenas de grandes meios de comunicação em França, os sindicatos e outras instituições representativas da classe profissional publicaram um comunicado conjunto em que descrevem o agravamento das violências cometidas, no decurso das manifestações dos “coletes amarelos”, contra os repórteres em serviço. Insultos, agressões, ameaças e impedimento da distribuição dos jornais tornaram-se mais frequentes e aconteceram, no último fim-de-semana, em várias cidades francesas.

“A simples verificação de que os jornalistas passaram a necessitar de agentes de protecção para poderem regressar sãos e salvos à redacção é inadmissível. (...)  Impedir os jornalistas de fazerem o seu trabalho é impedir os cidadãos de serem informados, é simplesmente ameaçar a democracia”  -  afirma o texto.

Ponto final na “Quadratura do Círculo”

Media Galeria

O programa de debate político Quadratura do Círculo, há quinze anos transmitido semanalmente pela SIC Notícias, terá a sua última emissão no próximo dia 24 de Janeiro. O “quarteto” implícito no seu nome é, neste momento, constituído por José Pacheco Pereira, Lobo Xavier e Jorge Coelho, tendo como moderador Carlos Andrade.

Segundo confirmou ao DN Ricardo Costa, director de Informação da SIC, o fim do programa deve-se a “várias alterações na grelha”, sendo aproveitada a mudança de instalações, de Carnaxide para Paço de Arcos, para o concretizar.

“O programa Quadratura do Círculo foi sempre importante para a SIC Notícias e faz parte da sua história, mas vamos apostar em novos formatos”, acrescentou  - não adiantando, contudo, se ele será substituído por outro do mesmo género.

"Diário do Alentejo" já tem director nomeado

Media Galeria

O jornalista Luís Godinho, único candidato proposto ao concurso para o lugar de director do Diário do Alentejo, vai iniciar estas funções a partir do dia 1 de Fevereiro  - segundo comunicado da CIMBAL – Comunidade Intermunicipal do Baixo Alentejo, proprietária do referido jornal público. O júri do concurso reuniu no dia 3 de Janeiro e concluiu que a proposta de Luís Godinho “cumpria todos os requisitos e critérios estabelecidos”, propondo a sua aceitação.

No mesmo comunicado, o presidente da Cimbal informa que a 27 de Dezembro findo “foi recepcionada uma mensagem de correio electrónico” do actual director do jornal, Paulo Barriga, “na qual explicava que não havia conseguido submeter a sua proposta na plataforma, em tempo útil, por falta de assinatura electrónica”.

O jornalista Paulo Barriga acusou então a Cimbal de ter lançado um concurso “talhado” para lhe “fazer um saneamento político” e “viciado” para escolher o seu sucessor. O processo foi envolto em polémica, da qual démos conta neste site.

Jornalistas alvos de agressões pelos "coletes amarelos"

Media Galeria

As manifestações do “nono acto” de protestos pelos “coletes amarelos”, em França, no sábado 12 de Janeiro, podem ter sido menos violentas de modo geral, mas os jornalistas foram o alvo especial em várias cidades.
Em Rouen, uma equipa do canal de televisão LCI foi agredida, e um segurança que a acompanhava maltratado no chão, tendo de ser levado ao hospital. Em Toulouse, uma jornalista de vídeo de La Dépêche du Midi foi cercada dentro do carro de serviço durante vários minutos, e ameaçada de toda a espécie de violências.

“Estamos perante uma situação muito grave e que ameaça ficar pior”  - afirmou Christophe Deloire, secretário-geral dos Repórteres sem Fronteiras. "É preciso lançar hoje um grito de alarme."

Parlamento Europeu apoia projecto do Sindicato dos Jornalistas

Media Galeria

“Uma Imprensa livre, uma Europa democrática”, é o título do projecto lançado pelo Sindicato dos Jornalistas para desenvolver, junto de profissionais dos media e estudantes de jornalismo e comunicação, uma série de iniciativas de informação e debate sobre as instituições da UE, no contexto das próximas eleições europeias, marcadas para 26 de Maio.

O Sindicato dos Jornalistas obteve, para este efeito, uma subvenção do Parlamento Europeu, com financiamento próximo dos dezoito mil euros. Do mesmo projecto, que decorre entre os meses de Janeiro e Maio, fez parte a renovação do site do SJ.

France-Presse nomeia um britânico director de Informação

Media Galeria

O jornalista britânico Phil Chetwynd, que trabalha na Agência France-Presse há mais de vinte anos e era, desde 2012, o editor-chefe na sua sede global, em Paris, foi agora nomeado para o cargo de director de Informação. É a primeira vez que um jornalista que tem como língua materna o inglês ocupa este lugar estratégico na AFP, que recolhe cerca de 60% da sua receita fora do território francês.

Segundo o director-executivo da agência, Fabrice Fries, esta nomeação faz parte de um plano de abrir mais a AFP ao espaço internacional. Tendo ocupado o seu posto na Primavera de 2018, Fabrice Fries declara que se sentiu chocado por ver “como a diversidade geográfica da AFP não era reflectida ao nível dos seus cargos dirigentes”.

Balanço de 40 anos da liberdade de Imprensa em Espanha

Media Galeria

A revista Cuadernos de Periodistas, da Asociación de la Prensa de Madrid, lançou um número especial no contexto do 40º aniversário da Constituição espanhola  - celebrado em Dezembro de 2018 -  onde se faz o balanço das conquistas conseguidas, dos debates travados e dos problemas que persistem. O tema central é o Artigo 20 da Constituição, que estabelece o direito de informar e constitui o fundamento principal da liberdade de expressão em Espanha. Jornalistas e juristas examinam o seu texto e o modo como marcou o novo regime democrático.

Todos têm consciência de que a liberdade de expressão não é uma conquista implantada pela simples promulgação de um decreto, mas um processo de avanços e recuos, que é necessário avaliar constantemente. A Asociación de la Prensa de Madrid, com a qual mantemos um acordo de parceria, publica um resumo destas contribuições.

1  2  3  4  5  6  7  8  9  ... »
PESQUISA AVANÇADA
PESQUISAR POR DATA
PESQUISAR POR CATEGORIA
PESQUISAR POR PALAVRA-CHAVE

O Clube

O Novo Ano não se antevê fácil para os media e para o jornalismo.

Sobram os indicadores pessimistas, nos jornais, com a queda acentuada de  vendas,  e nas televisões, temáticas ou generalistas, com audiências degradadas e uma tendência em ambos os casos para a tabloidização, como forma  já desesperada de fidelização de  leitores e espectadores, atraídos por outras fontes de informação e de entretenimento.


ver mais >
Opinião
Sobre a liberdade de expressão em Portugal
Francisco Sarsfield Cabral
O caso da participação num programa matinal da TVI de um racista, já condenado e tendo cumprido pena de prisão, Mário Machado, suscitou polémica. Ainda bem, porque as questões em causa são importantes. Mas, como é costume, o debate rapidamente derivou para um confronto entre a esquerda indignada por se ter dado tempo de antena a um criminoso fascista e a direita defendendo a liberdade de expressão e a dualidade de...
O panorama dos media
Manuel Falcão
Se olharmos para o top dos programas mais vistos na televisão generalista em 2018 vemos um claro domínio das transmissões desportivas, seguidas a grande distância pelos reality shows e, ainda mais para trás, pelas telenovelas. No entanto as transmissões televisivas produzem apenas picos de audiência e contribuem relativamente pouco para as médias e para planos continuados. O dilema das televisões generalistas está na...
Informar ou depender…
Dinis de Abreu
O título deste texto corresponde a um livro publicado nos anos 70 por Francisco Balsemão, numa altura em que já se ‘contavam espingardas’ para pôr termo ao Estado Novo, como veio a acontecer com o derrube de Marcello Caetano, em 25 de Abril de 74.  A obra foi polémica à época e justamente considerada um ‘grito de alma’, assinada por quem começara a sua vida profissional num jornal controlado pela família...
Há, na ideia de uma comunicação social estatizada ou ajudada pelo governo, uma contradição incontornável: como pode a imprensa depender da entidade que mais se queixa da imprensa? Uma parte da comunicação social portuguesa – televisão, rádio, imprensa escrita — é deficitária, está endividada e admite “problemas de tesouraria”. Mas acima desse, há outro problema, mais grave:...
O jornalismo estará a render-se à subjetividade, rainha e senhora de certas redes sociais. As ‘fake news’ e o futuro dos media foram dos temas mais falados na edição de 2018, da Web Summit. Usadas como arma de arremesso político e de intoxicação, as notícias falsas são uma praga. Invadem o espaço público, distorcem os factos, desviam a atenção, comprometem a reflexão. E pelo caminho...